ANDRADE, L. R. M. de; FALCÃO, J. Referenciamento ou solidão: o coletivo profissional como operador de saúde, desenvolvimento e adoecimento na atividade de trabalho. Horizontes, [S. l.], v. 35, n. 3, p. 83–93, 2017. DOI: 10.24933/horizontes.v35i3.560. Disponível em: https://revistahorizontes.usf.edu.br/horizontes/article/view/560. Acesso em: 17 ago. 2022.