Literacia para as mídias: diálogos pedagógicos e sociais

Resumo

O texto trata do conceito de literacia, complexo processo educativo que se ocupa com o alargamento das capacidades para entender, interpretar e relacionar o conteúdo que o sujeito tem ao seu dispor com as práticas sociais diversas, ampliando suas possibilidades de atuação ativa, autônoma e crítica. Falamos em literacias ou multiliteracias. Dada a complexidade da sociedade contemporânea e a omnipresença das mídias, o presente estudo teórico de caráter bibliográfico aponta a necessidade da promoção de literacias que permitam ao sujeito estabelecer uma relação informada, crítica e responsável para e com elas. O cenário europeu e em especial o de Portugal são os aportes quando intencionamos compreender o que se pretende significar e promover ao adentrar no campo da Literacia para as mídias.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ricardo Cocco, Universidade Federal de Santa Maria Campus Frederico Westphalen
Doutor em Educação pela Universidade de Passo Fundo, Técnico em Assuntos Educacionais na Universidade Federal de Santa Maria Campus Frederico Westphalen
Flávia Eloisa Caimi, Universidade de Passo Fundo, Programa de Pós-graduação em Educação
Doutora em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, professora titular da Universidade de Passo Fundo. Líder do Grupo Estudos e Pesquisa em Educação-Gespe

Referências

BENAVENTE, A. Literacia e cidadania. In: SALGADO, Lucília. Literacia e aprendizagem da leitura e da escrita. Lisboa: Ministério da Educação, 1995.

CONGRESSO LITERACIA, MEDIA E CIDADANIA (Portugal). Universidade do Minho, Braga. Manifesto de Braga. 2011. Disponível em: http://www.gmcs.pt/pt/declaracao-de-braga-sobre-literacia-para-os-media. Acesso em: 10 jun. 2017.

EUROPA. COMISSÃO EUROPEIA SOBRE LITERACIA MEDIÁTICA NO AMBIENTE DIGITAL. Sobre literacia mediática no ambiente digital. 2009. Disponível em: http://www.gmcs.pt/pt/recomendacao-da-comissao-europeia-sobre-literacia-mediatica-no-ambiente-digital. Acesso em: 18 maio 2017.

EUROPA. PARLAMENTO EUROPEU. Oferta de serviços de comunicação social audiovisual. 2010. Disponível em: http://www.gmcs.pt/pt/directiva-201013ue-directiva-servicos-de-comunicacao-social-audiovisual. Acesso em: 10 maio 2017.

LOPES, P. C. Educação para os media nas sociedades multimediáticas. CIES e-Working Paper, nº 108/2011. Publicação do CIES do Instituto Universitário de Lisboa. Disponível em: http://cies.iscte-iul.pt/destaques/documents/CIES-WP108_Lopes.pdf. Acesso em: 10 jun. 2018

PINTO, M. Intervenção na Conferência Internacional sobre “Cruzamento de Saberes. Aprendizagens Sustentáveis”. Lisboa, 27 e 28 de Novembro de 2002. Disponível em http://repositorium.sdum.uminho.pt. Acesso em: 20 nov. 2017.

PINTO, M. Educação para os media em Portugal: experiências, actores e contextos. Lisboa: ERC, 2011.

PORTUGAL. CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO. Recomendação sobre Educação para a Literacia Mediática. 2011. Disponível em: http://www.gmcs.pt/ficheiros/pt/recomendacao-do-conselho-nacional-de-educacao-sobre-educacao-para-a-literacia-mediatica.pdf. Acesso em: 20 maio 2017.

REIA-BAPTISTA, V. Conceitos e processos formativos de pedagogia e literacia dos Media. In: Revista Portuguesa de Pedagogia. Universidade de Coimbra. Ano 42-2, 2008, p. 65-77. Disponível em: https://core.ac.uk/download/pdf/61507013.pdf. Acesso em: 20 maio 2017.

SETTON, M. G. Mídia e Educação. São Paulo: Contexto, 2015.

TORNERO, J. M. Comunicação e Educação na Sociedade da Informação: Novas Linguagens e Consciência Cívica. Porto: Porto Editora, 2007.

Publicado
2020-10-23
Como Citar
Cocco, R., Caimi, F. E., & Bonixe, L. (2020). Literacia para as mídias: diálogos pedagógicos e sociais. Horizontes, 38(1), e020050. https://doi.org/10.24933/horizontes.v38i1.850