Autoformação docente: constituição e permanência do conceito

Autores

DOI:

https://doi.org/10.24933/horizontes.v40i1.1366

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BARBOSA, T. M. N.; PASSEGGI, M. da C. (org.). Memorial acadêmico: gênero, docência e geração. Natal: EDUFRN, 2011

BRAGANÇA, I. F. S.; SANTANA, R. L. J. (org.). Memoriais, pesquisaformação e modos outros de escrita acadêmica. São Carlos: Pedro & João Editores, 2020.

CATANI, D.; SOUZA, M. C. de; BUENO, B. O.; Souza, Cynthia P. de. Docência, Memória e gênero. Estudos sobre formação. São Paulo: Escrituras Editoras, 1997.

GALVAO, I.; ROLLIN, Z. Initier des futurs travailleurs sociaux au « travail émotionnel » à partir de récits autour de l’expérience scolaire », Sociétés et jeunesses en difficulté [En ligne], 20 | Printemps 2018 En Ligne : http:// journals.openedition.org/sejed/8931.

PASSEGGI, M. C.; DOMINICÉ, P. A mediação biográfica. Acompanhar adultos em processos-projetos de si. Portal do Envelhecimento. São Paulo, 7 mar. 2014. Disponível em: https://www.portaldoenvelhecimento.com.br/mediacao-biograficaacompanhar-adultos-em-processos-projetos-de-si/

PINO, A. O social e o cultural na obra de Vigotski. Revista Educação & Sociedade, nº.71, 2000

PINO, A. Cultura e desenvolvimento humano. Viver mente & cérebro. Coleção memória da pedagogia, nº2, Liev Seminovich Vygotsky. Rio de Janeiro: Ediouro, 2005.

PRADO, G. V.T; SOLIGO, R. MEMORIAL DE FORMAÇÃO. Quando as memórias narram a história da formação. Disponível em: https://www.fe.unicamp.br/drupal/sites/www.fe.unicamp.br/files/pf/subportais/graduacao/proesf/proesf_memoriais13.pdf, 2005.

SMOLKA, A. L. B. Sobre significação e sentido: uma contribuição às proposta de Rede de Significações. In: Rosseti-Ferreira, Maria Clotilde e outros (org.). Rede de significações e o estudo do desenvolvimento humano. Porto Alegre: Artmed, 2004

SOUZA, Luciana Karine de. Pesquisa com análise qualitativa de dados: conhecendo a Análise Temática. Arq. bras. psicol., Rio de Janeiro , v. 71, n. 2, p. 51-67, 2019 . Disponível em <http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1809-52672019000200005&lng=pt&nrm=iso>. acessos em 06 maio 2022. http://dx.doi.org/10.36482/1809-5267.ARBP2019v71i2p.51-67.

VIGOTSKI, L. S. Manuscrito de 1929. Revista Educação & Sociedade, n.º.71, 2000.

Downloads

Publicado

2022-07-13

Como Citar

ABREU, S. M. B. D. ., NÓBREGA-THERRIEN, S. M. ., & THERRIEN, J. (2022). Autoformação docente: constituição e permanência do conceito. Horizontes, 40(1), e022012. https://doi.org/10.24933/horizontes.v40i1.1366