O uso da língua como fator para a (re)afirmação da identidade étnica: experiências em Colônia Witmarsum

Autores

  • Carla Caroline Holm Universidade Estadual do Centro-Oeste - UNICENTRO
  • Poliana Fabíula Cardozo Universidade Estadual do Centro-Oeste (UNICENTRO)

DOI:

https://doi.org/10.24933/horizontes.v33i2.164

Palavras-chave:

Cultura, Imigração, Identidade étnica, Uso da língua, Colônia Witmarsum

Resumo

Resumo
Este artigo apresenta uma das possibilidades para caracterização da identidade étnica, sendo o uso da língua materna por sujeitos migrantes. O objetivo geral é analisar a importância do uso da língua materna para a (re)afirmação da identidade étnica em Colônia Witmarsum, localizada em Palmeira/PR cuja composição é de alemães menonitas que migraram para o Brasil no século XX. Por meio de pesquisa bibliográfica abordando os temas cultura, identidade, e etnicidade e também utilizando-se de pesquisa de campo, com a realização de entrevistas direcionadas de roteiro semiestruturado, foi possível compreender a identidade étnica manifestada de diferentes formas nesta comunidade. A partir de análise de conteúdo, atingiu-se o objetivo proposto aqui que trata do uso da língua. Desta maneira, o presente artigo traz um exemplo de possibilidade de manifestação da identidade étnica na comunidade de estudo a fim de reconhecer a legitimidade desta ação como contribuinte para a preservação da cultura local.
Palavras-chave: cultura, imigração, identidade étnica, uso da língua, Colônia Witmarsum.

The use of the language as a factor for (re)statement of ethnic identity: experiences in Colônia Witmarsum

Abstract
This article presents one of the possibilities for characterization of ethnic identity, and the use of the mother tongue by migrant subjects. The overall objective is to analyze the importance of using the mother tongue for the (re) affirmation of ethnic identity in Colônia Witmarsum, located in Palmeira/PR whose composition is of Mennonite Germans who migrated to Brazil in the twentieth century. By means of literature addressing the themes of culture, identity and ethnicity and also using field research with interviews directed to semi-structured was possible to understand the ethnic identity manifested in different ways in this community. From content analysis, it was reached the goal proposed here, that is, the language use. Thus, this article brings a manifestation of the possibility of example of ethnic identity in the study community to recognize the legitimacy of this action as contributing to the preservation of local culture.
Keywords: culture, immigration, ethnic identity, language use, Colônia Witmarsum

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ASSOCIAÇÃO COMUNITÁRIA DOS MORADORES PROPRIETÁRIOS DE WITMARSUM (ACMPW) – Site institucional. Disponível em http://www.acmpw.com.br/. Último acesso em 28/02/2015.

_______. (2001). Witmarsum, 50 anos no Paraná: A história da colônia, a atuação menonita e os pioneiros. s/c. s/e.

CARDOSO DE OLIVEIRA, Roberto. (2006). Caminhos da identidade: ensaios sobre a etnicidade e multiculturalismo. São Paulo: UNESP.

CARDOZO, Poliana. (2012). O Líbano Ausente e o Líbano Presente: espaço de identidades de imigrantes libaneses em Foz do Iguaçu. Tese de Doutorado. Curitiba: Universidade Federal do Paraná (UFPR).

CLAVAL. Paul. (2001). A geografia cultural. 2ªed. Florianópolis: UFSC.

ENNS, Egon Robert. CAMARGO, Marco A. Ribeiro de. KRÜGER, Adolf. (2000). Permanecei em mim: 70 anos da imigração menonita. Curitiba: s/e.

GRÜNEWALD, Rodrigo. (2003). Turismo e etnicidade. Horizontes Antropológicos: 141-159. Disponível em http://www.scielo.br/pdf/ha/v9n20/v9n20a07.pdf . Ultimo acesso em 28/02/2015

KLOSTER, Silvana. (2013). Riscos e potencialidades da atividade de turismo rural na microrregião de Ponta Grossa. Dissertação de Mestrado. Ponta Grossa: Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG).

LARAIA, Roque de Barros. (2007). Cultura: um conceito antropológico. 21 ed. Rio de Janeiro: Jorge Zahar.

ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS PARA A EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA. Site institucional. Disponível em www.unesco.org. Ultimo acesso em 28/02/2015.

PAULS, Peter. (2010). “Witmarsum para conhecer e gostar”. In: SIEMENS, Udo. (org.). Quem somos? 1930-2010: A saga menonita rompendo a barreira cultural. 1ªed. Curitiba: Editora Evangélica Esperança.

POUTIGNAT, Philippe. STREIFF-FENART, Jocelyne. (2011). Terias da etnicidade: seguido de grupos étnicos e suas fronteiras de Fredrik Barth. Tradução Elcio Fernandes. 2.ed. São Paulo: Unesp.

SILVA, Rosijane Evangelista da. CARVALHO, Karoliny Diniz. (2010). Legados étnicos, turismo e sustentabilidade: um olhar sobre a comunidade quilombola de Filipa, Maranhão. Caxias do Sul: Anais do VI Seminário de Pesquisa em Turismo do Mercosul.

SOARES, Joélcio G. (2013). “Turismo na Colônia Witmarsum, Palmeira/PR: fomento externo e estrutura interna”. In: LLERA, Francisco J.. BAUTISTA, Elizabeth. (coords.) Comunidades Menonitas de México y Brasil: Influencia y Aportaciones. Ciudad Juárez: Universidad Autónoma de Ciudad Juáres.

WITMARSUM COOPERATIVA. Site institucional. Disponível em http://www.witmarsum.coop.br/. Último aceso em 28/02/2015.

Downloads

Publicado

2015-12-20

Como Citar

Holm, C. C., & Cardozo, P. F. (2015). O uso da língua como fator para a (re)afirmação da identidade étnica: experiências em Colônia Witmarsum. Horizontes, 33(2). https://doi.org/10.24933/horizontes.v33i2.164