Estudo de caso com professores de matemática da EJA e suas práticas letivas

Autores

  • Andréa Thees
  • Maria Cecilia Fantinato

DOI:

https://doi.org/10.24933/horizontes.v31i1.18

Resumo

Neste trabalho, que representa um recorte de uma pesquisa de Mestrado sobre as práticas profissionais de professores de matemática da EJA, apresentaremos as práticas letivas de gestão curricular, tarefas e materiais, comunicação e avaliação.  Através de um estudo de caso com três professores, desenvolveu-se uma pesquisa qualitativa, cujos instrumentos investigativos foram as observações de campo, as entrevistas semiestruturadas e a aplicação de questionários. Nosso estudo indicou que as práticas de gestão curricular são determinadas por um
estilo de ensino direto e expositivo, baseado na resolução de exercícios. Em relação às tarefas propostas os professores pouco recorrem a outros materiais didáticos, além do quadro e do giz, e raramente utilizam o livro
didático. A comunicação na sala de aula é unívoca, algumas vezes complementada por metáforas inadequadas, principalmente, no ensino de álgebra. As práticas de avaliação dos alunos são, predominantemente, focadas na função sumativa.

Palavras-chave: Educação Matemática; Práticas Letivas; Educação de Jovens e Adultos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Andréa Thees

Mestre em Educação, no campo Ciências, Sociedade e Educação e Especialista em Matemática ambos pela Universidade Federal Fluminense e professora do Instituto de Educação de Angra dos Reis, da Universidade Federal Fluminense.

Maria Cecilia Fantinato

Doutora em Educação, no campo Ensino de Ciências e Matemática, pela Universidade de São Paulo, professora associada da Universidade Federal Fluminense e coordenadora do Grupo de Etnomatemática da UFF.

Downloads

Publicado

2013-06-30

Como Citar

Thees, A., & Fantinato, M. C. (2013). Estudo de caso com professores de matemática da EJA e suas práticas letivas. Horizontes, 31(1). https://doi.org/10.24933/horizontes.v31i1.18