O Curso Comercial na formação intelectual ofertada pelas Associações Cristãs de Moços, no Brasil (1893-1929)

Autores

  • Anderson da Cunha Baía
  • Andrea Moreno

DOI:

https://doi.org/10.24933/horizontes.v34i2.470

Resumo

Resumo


Este estudo procurou compreender a organização do Curso Comercial e seu propósito no projeto de formação intelectual das Associações Cristãs de Moços Brasileiras, no período de 1893 a 1929. Associação criada em 1844 na Inglaterra, inseriu-se no Brasil em 1893, no Rio de Janeiro, através do missionário norte-americano Myron A. Clark. Essa pesquisa trabalhou com panfletos, cartilhas, revistas, relatórios, atas e estatutos da instituição. Foi possível perceber que a formação intelectual foi parte integrante do projeto acmista. A oferta de ações que proporcionariam tal formação, em especial o Curso Comercial, foi realizada pela ACM como o principal curso que poderia contribuir com a ascensão social dos seus associados, especialmente ancoradas em argumentos relativos à utilização do tempo ocioso com coisas úteis. As ACMs atuaram, dessa forma, como um lugar de preparação, formando o associado para o trabalho, para novos hábitos, comportamentos e sensibilidades de uma formação intelectual acmista.
Palavras-Chave: história da educação; curso comercial; associação cristã de moços.

The Commercial Course in intellectual formation offered by Young Men’s Christian Associations, in Brazil (1893-1929)

Abstract

This study aims to understand the organization of the Commercial Course and its purpose in the project of intellectual formation of the Young Men’s Christian Associations Brazilian, from 1893 to 1929. Association created in 1844 in England, was inserted in Brazil in 1893, in Rio de Janeiro, by north American missionary Myron A. Clark. This research used periodicals, pamphlets, booklets, minutes and statutes of the institution. It was revealed that the intellectual formation was part of acmista project. The offering of shares that would provide such formation, in particular the Commercial Course was held by ACM as the main course that could contribute to the social advancement of its members, especially anchored in arguments relating to the use of idle time with useful things. The YMCAs acted thus as a place of preparation, forming the associate to work, to new habits, behaviors and sensitivities of a acmista intellectual formation. Keywords: history of education; commercial course; young men's christian association

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Anderson da Cunha Baía

Doutor em Educação – FAE/UFMG; Professor do curso de Educação Física da Universidade Federal de Viçosa; Membro do CEMEF/UFMG.

Andrea Moreno

Doutora em Educação – UNICAMP; Professora da graduação e pós-graduação – FAE/UFMG; Membro do GEPHE/UFMG e CEMEF/UFMG.

Referências

Referências

BAIA, A.C. Associação Cristã de Moços no Brasil: um projeto de formação intelectual, moral e física (1890-1929). 2012. 214f. Tese (Doutorado em Educação). Belo Horizonte: UFMG, 2012.

CERTEAU, M. A Escrita da História. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2006.

CURY, C.R.J. A desoficialização do Ensino no Brasil: A reforma Rivadávia. Revista Educação e Sociedade. Campinas, vol.30, nº 108, p. 717-738, 2009.

FERREIRA, A.B.H. Novo dicionário da Língua Portuguesa. 3ªed. Curitiba: editora Positivo, 2004.

HOBSBAWN, E. Da revolução industrial inglesa ao imperialismo. 4ªed. Rio de Janeiro: Forense-Universitária, 1986.

SOUZA, R.F. Demandas populares pela educação na Primeira República: aspectos da modernidade brasileira. Revista Educação e Filosofia. Uberlândia, 6 (12), jan-dez, p. 63-70, 1992.

THOMPSON, E. P. Os Românticos. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2002.

Acervos e fontes pesquisados

ASSOCIAÇÃO CRISTÃ DE MOÇOS. Modelo dos Estatutos de uma Associação Cristã de Moços do Rio de Janeiro. New York/Rio de Janeiro, 1893.

__________. Associação Cristã de Moços do Rio de Janeiro: um esboço de sua história, dos seus objetivos, e dos seus métodos. Rio de Janeiro: Casa Publicadora Methodista, 1898.

__________. Qual será o meu futuro? Rio de Janeiro, 1910.

_________. Bom emprego para o Jovem Ambicioso. 1911.

__________. Signaes de Progresso: Relatório do Trabalho da Associação Cristã de Moços do Rio de Janeiro: Anos de 1911-1912. Rio de Janeiro, 1912.

__________. Vale quem tem. Rio de Janeiro, 1913.

__________. Mais dois anos de serviço à comunidade. Rio de Janeiro, 1916.

__________. Pela Defesa Nacional: os primeiros 25 anos de serviço. Rio de Janeiro, 1918a.

__________. Pela pátria preparando as forças. Rio de Janeiro, 1918b.

__________. Relatório da VII Convenção das A.C.M. no Brazil. Rio de Janeiro, Comissão Nacional, 1929.

CLARK, M. Em prol da Mocidade: instruções sobre os trabalhos das Associações Cristãs de Moços. Rio de Janeiro: Casa editora presbiteriana, 1903.

REVISTA MOCIDADE, Rio de Janeiro, 1898-1925.

SOUZA, F. A regeneração nacional pelo indivíduo. (Conferências). Igreja Evangélica Fluminense, 1917.

Downloads

Publicado

2016-12-21

Como Citar

Baía, A. da C., & Moreno, A. (2016). O Curso Comercial na formação intelectual ofertada pelas Associações Cristãs de Moços, no Brasil (1893-1929). Horizontes, 34(2), 49–56. https://doi.org/10.24933/horizontes.v34i2.470

Edição

Seção

Artigos