Formação do professor de educação física e as dificuldades no início de carreira em escolas de ensino básico

Autores

  • Jairo Antônio da Paixão
  • Yuri Windson Santos Barroso
  • Glauber César Cruz Custódio

DOI:

https://doi.org/10.24933/horizontes.v34i2.471

Resumo

Resumo
A presente investigação teve como objetivo analisar as dificuldades encontradas pelo professor de Educação Física no início de carreira docente, atuante na educação básica. A partir de um estudo de campo, de cunho qualitativo, verificou-se que a formação inicial não proporcionou conhecimentos específicos suficientes para a atuação desse professor no início de carreira. Dentre as formas de aquisição desses conhecimentos, foram mencionadas leituras de artigos, capítulos de livros , visitas a sites e contatos com professores formados há mais tempo, atuantes na Educação Física escolar. Portanto, implementar as experiências vivenciadas pelos acadêmicos nos cursos de licenciatura em Educação Física é uma demanda que merece ser discutida e concretizada nos cursos de formação inicial.
Palavras-chave: Formação inicial; Educação Física; licenciatura; escola.

Teacher training of physical education and initial difficulties in careerstart in high schools

Abstract


This research aimed is aimed at analyzing the initial difficulties encountered by Physical Education teachers at the beginning of carrer in high schools. From a qualitative field of study, it was found that the initial training did not provide sufficient expertise for the performance of these professionals in the career beginning. Among the forms of acquisition of this knowledge, was mentioned readings of articles, books and visits to sites and contacts with trained teachers, active in that field of professional intervention for longer, which, in turn, have a larger luggage of experience. This situation leads to the conclusion that implementing the experiences lived by academics in licensure degree in Physical Education is a demand that deserves to be discussed and implemented in the initial training courses.
Keywords: Initial training; Physical Education; licensure; school.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jairo Antônio da Paixão

Professor Adjunto da Universidade Federal de Viçosa (UFV). Coordenador do Laboratório de Estudos Pedagógicos em Educação Física (LEPEF). Docente do Programa de Pós-Graduação em Educação do Instituto de Ciências Humanas e Sociais da Universidade Federal de Ouro Preto, MG.

Yuri Windson Santos Barroso

Acadêmico do Curso de Bacharelado em Educação Física da Universidade Federal de Ouro Preto, MG. Bolsista de iniciação científica do Projeto de Iniciação a Pesquisa da Universidade Federal de Ouro Preto, MG - PIP/UFOP e Coordenador de Minas Gerais do CEFIEP (Conselho dos Estudantes de Educação Física).

Glauber César Cruz Custódio

Bacharel e Licenciado em Educação Física pela Universidade Federal de Ouro Preto.

Referências

Referências

BARDIN, L. Análise de conteúdo. Trad. Luís Antero Reto e Augusto Pinheiro. 4ª. ed. Lisboa: Edições 70, 2011.

BEHETS, D.; VERGAUWEN, L. Learning to teach in the field. In: KIRK, D.; MacDONALD, D.; O’ SULLIVAN, M. (Org.). Handbook of physical education. London: Sage, 2006. p.407-424.

BEHRENS, M. A. A prática pedagógica dos professores universitários: perspectivas e desafios. In: IXX Reunião Anual ANPED, Caxambu, MG, set.1996.

BORGES, C. A formação dos docentes de educação física. In: BORGES, C.; DESBIENS, J. F. (Orgs.). Saber, formar e intervir para uma educação física em mudança. Campinas: Autores Associados, 2005.

BRASIL. Conselho Federal de Educação. Resolução n. 3, de 16 de junho de 1987. Diário Oficial n.172, Brasília, 1987.

_______. Conselho Nacional de Saúde. Resolução número 466, de 12 de dezembro de 2012. Brasília, 2012. Disponível em:

Jairo Antônio da Paixão, Yuri Windson Santos Barroso, Glauber César Cruz Custódio

Horizontes, v. 34, n. 2, p. 57-68, ago./dez. 2016

<http://www.conselho.saude.gov.br/web_comissoes/conep/index.html>. Acesso em: 04 fev. 2014.

_______. Ministério da Educação/Conselho Nacional de Educação/Câmara de Educação Superior. Resolução n° 7, de 31 de março de 2004. Diretrizes Curriculares Nacionais para os cursos de graduação em Educação Física. Brasília: MEC, 2004b. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/c ne/arquivos/pdf/ces0704edfisica.pdf. Acesso em: 07 ago. 2014.

DARIDO, S. C.; RANGEL, I. C. A. Educação Física na Escola: implicações para a prática pedagógica. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2005.

FERREIRA, L. A. O professor de Educação Física no primeiro ano da carreira: análise da aprendizagem profissional a partir da promoção de um programa de iniciação a docência. 2006, 229p. Tese (Doutorado em Educação). Programa de Pós-Graduação em Educação. São Carlos: UFSCar, 2006.

FIORENTINI, D.; SOUSA JR., A. J.; MELO, A. G. F. Saberes docentes: um desafio para acadêmicos e práticos. In: GERALDI, C. M. G.; FIORENTINI, D.; PEREIRA, E. M. de A. (Orgs.). Cartografia do trabalho docente: professor(a) pesquisador(a). 3a ed. Campinas (SP): Mercado de Letras, 2003, p.307-335.

FONTANA, R. A . C. Como nos tornamos professoras?. 3ª ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2010.

FRANCISCO, C. M.; PEREIRA, A. S. Supervisão e sucesso do desempenho do aluno no estágio, 2004. Revista Digital. Buenos Aires - Año 10 - N° 69 - Febrero de 2004. Disponivel em: <http://www.efdeportes.com/>. Acesso em: 16-07-2015.

GARCIA, M. C. Formação de professores: para uma mudança educativa, Porto, Portugal: Editora Porto,1999.

GARIGLIO, J.A. et al. Projeto de formação continuada de professores iniciantes de educação física. XVIII Congresso Brasileiro de ciência do desporte, V Congresso Internacional de Ciência do desporte, tema Identidade da Educação Física e ciência do desporto em tempos de megaeventos. Brasília, DF, 2013.

GENTILE, P. Pedagogia da exclusão: crítica ao neoliberalismo em educação. Petrópolis: Vozes, 1998.

GIROUX, H. Os professores como intelectuais: rumo a uma pedagogia crítica da aprendizagem. trad. Daniel Bueno. Porto Alegre: Artes médicas, 1997.

GONÇALVES, J. A. M. A carreira das professoras do ensino primário. In: NÓVOA, Antônio (org.) Vida de professores. Portugal: Porto Editora, 1995, p.141- 169.

GORI, R. M. A. A inserção do professor iniciante de educação física na escola. 2000, 114p. Dissertação (Mestrado em Educação). Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade de Minas Gerais. Faculdade de Educação da UFMG, 2000.

GUARNIERI, M. R. Aprendendo a ensinar: o caminho nada suave da docência. 2a ed. São Paulo: Autores Associados, 2005.

HUBERMAN, M. Ciclo de vida profissional dos professores. In: NÓVOA, A. (org.) Vida de professores. Porto/Portugal: Porto Editora, 2007, p.31-61.

KUNZ, E.; TREBELS, A. H. Educação Física crítico-emancipatória: com uma perspectiva da pedagogia alemã do esporte. Ijuí: Unijuí, 2006.

LEONE, N. M.; LEITE, Y. U. F. O início da carreira docente: implicações à formação inicial de professores. Revista Eletrônica Pesquiseduca, Santos, v. 3, n. 6, p. 236-259, jul./dez. 2011.

LÜDKE, M; BOING, L. A. . Caminhos da profissão e da profissionalidade docentes. Revista Educação e Sociedade, Campinas, v. 25, n. 1, p. 1159-1180, set./dez. 2004.

MASSA, M. Caracterização acadêmica e profissional da Educação Física. Revista Mackenzie de Educação Física e Esporte, São Paulo, v. 1, n. 1, 2002.

Formação do professor de educação física e as dificuldades no início de carreira em escolas de ensino básico 67

Horizontes, v. 34, n. 2, p. 57-68, ago./dez. 2016

MINAYO, M. C. S. (org.) Pesquisa Social: teoria, método e criatividade. 30ª ed. Petrópolis: Vozes, 2011.

MIRANDA, S. O desenvolvimento dos professores universitários de Educação Física e os ciclos de vida profissional: três estudos de caso. 2010. 459f. Dissertação (Doutorado em estudos da criança especialidade em educação física, lazer e recreação). Universidade do Minho, Instituto de Educação, Braga, Portugal, 2010.

NASCIMENTO, J.V. et al. Formação acadêmica e intervenção pedagógica nos esportes. Motriz: Revista da Educação Física, Rio Claro, v.15, n.2, p.358-66, 2009. Disponível em: <http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/2251/2378>. Acesso em: 10 jul. 2014.

NEIRA, M. G.; NUNES, M. L. F. Educação física, currículo e cultura. São Paulo: Phorte, 2009.

NONO, M.A.; MIZUKAMI, M.G.N. Processos de formação de professoras iniciantes. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, Brasília, v. 87, n. 217, p.382-400, 2006.

NUNES, M. P.; VOTRE, S. J.; SANTOS, W. O profissional em Educação Física no Brasil: desafios e perspectivas no mundo do trabalho. Motriz, Rio Claro, SP, v. 18, n. 2, p. 280-90, 2012.

PAIXÃO, J. A.; CUSTÓDIO, G. C. C.; BARROSO, Y. W. S.; Atuação de licenciados em Educação Física nas academias de ginástica: uma análise a partir dos saberes docentes. Pensar a Prática, v. 17, n. 3, set. 2014. Disponível em: <http://www.revistas.ufg.br/index.php/fef/article/view/29598/17106>. Acesso em: 14 Jul. 2015.

PIMENTA, S. G. Saberes pedagógicos e atividade docente. 8ª ed. São Paulo: Cortez, 2012.

_____________. O estágio na formação de professores. 5. ed. São Paulo: Cortez, 2002.

_____________.; GHEDIN, E. Professor reflexivo no Brasil: gênese e crítica de um conceito. 3. ed. São Paulo: Cortez, 2005.

_____________; LIMA, M. S. L. Estágio e docência. 7ª ed. São Paulo: Cortez, 2012.

PIZZO, S. V. O início da docência e a trajetoria profissional sengundo a visão de professores em final de carreira. 2004. 104f. Dissertaçao (Mestrado em Educação) Universidade Federal de São Carlos- São Carlos, 2004

PRADA, L. E. A.; FREITAS, T. C.; FREITAS, C. A. Formação continuada de professores: alguns conceitos, interesses, necessidades e propostas. Revista Diálogo Educacional, Paraná, v. 10, n. 30, 2010.

REALI, A.M.; MIZUKAMI, M.G. Práticas profi ssionais, formação inicial e diversidade: análise de uma proposta de ensino e aprendizagem. In: MIZUKAMI, M.G.; REALI, A.M. (Orgs.). Aprendizagem profissional da docência: saberes, contextos e práticas. São Carlos: EdUFSCar, 2002. p.119-38.

ROERCH, S. M. A, et al. Projetos de estágio e de pesquisa em administração: guia para estágios, trabalhos de conclusão, dissertações e estudos de caso. 2a ed. São Paulo: Atlas, 1999.

SANTOS, H. F. H. Dificuldades de inserção profissional dos professores em início de Carreira. 2000.126f. Dissertação (Especialização em Educação de Infancia). Instituto Politécnico de Lisboa Escola Superior de Educação, Lisboa, 2000.

SCHÖN, D. Formar professores como profissionais reflexivos. In: NÓVOA, A. Os professores sua formação. Lisboa: D. Quixote, 1992. p. 81-91.

SILVA, M. C. O primeiro ano de docência: o choque com a realidade. In M. T. Estrela (Ed), Viver e construir a profissão docente. (p. 51-80). Editora Porto,1997.

SILVA, O. O. N. Licenciatura e Bacharelado em Educação Física: diferenças e semelhanças. Revista Espaço Acadêmico, Maringá, v.1, n. 124, p. 76-84, set. 2011.

SILVA, O. O. N. Licenciatura e Bacharelado em Educação Física: diferenças e semelhanças. Revista Espaço Acadêmico, Maringá, v.1, n. 124, p. 76-84, set. 2011.

Jairo Antônio da Paixão, Yuri Windson Santos Barroso, Glauber César Cruz Custódio

Horizontes, v. 34, n. 2, p. 57-68, ago./dez. 2016

SPRADLEY, J. P. The ethnographic interview. Florida: Harcourt Brace Jovanovich, 1979.

TANI, G. Avaliação das condições do ensino de graduação em educação física: garantia de uma formação de qualidade. Revista Mackenzie de Educação Física e Esporte, São Paulo, v. 6, n. 2, 2007.

TARDIF, M. Saberes docentes e formação profissional. 16ª ed. Petrópolis: Vozes, 2011.

TARDIF, M.; RAYMOND, D. Saberes, tempo e aprendizagem do trabalho no magistério. Revista Educação e Sociedade, Campinas, v. 21, n. 73, p. 209-244, dez. 2000.

VAGO, T. M. O "esporte na escola" e o "esporte da escola": da negação radical para uma relação de tensão permanente um diálogo com Valter Bracht. Revista Movimento, Rio Grande so Sul, v. 3, n. 5, abril/1996.

VEENMAN, S. Perceived problems of beginning teachers. Review of Educational Research, Los Angeles, EUA, 52(2) 143-178. (1984).

ZEICHNER, K. M. Políticas de formação de professores nos Estados Unidos: como elas afetam vários países do mundo. Belo Horizonte: Autêntica, 2013.

Downloads

Publicado

2016-12-21

Como Citar

da Paixão, J. A., Barroso, Y. W. S., & Custódio, G. C. C. (2016). Formação do professor de educação física e as dificuldades no início de carreira em escolas de ensino básico. Horizontes, 34(2), 57–68. https://doi.org/10.24933/horizontes.v34i2.471

Edição

Seção

Artigos