Abordagem clínica na análise da atividade docente: uma via unindo pesquisa, intervenção e formação

Autores

  • Rozania Maria Alves de Moraes Universidade Estadual do Ceará - UECE
  • Elisandra Maria Magalhães Universidade Estadual do Ceará - UECE

DOI:

https://doi.org/10.24933/horizontes.v35i3.515

Resumo

A conjugação entre pesquisa e intervenção na Clínica da Atividade é um assunto que, aparentemente, ainda não se esgotou, suscitando importantes discussões entre especialistas da área. Este artigo tem como objetivo discutir experiências trazidas de duas pesquisas de caráter interventivo realizadas na formação inicial de professores de língua francesa, utilizando as abordagens clínica e ergonômica da atividade; além disso, busca também mostrar que, nas situações apresentadas, pesquisa e intervenção se mostram inseparáveis, e que, em ambas as pesquisas, é perceptível a ampliação do poder de agir dos sujeitos – objetivo da Clínica da Atividade. Esses resultados apontam para uma nova via que se abre para a formação inicial de professores de línguas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rozania Maria Alves de Moraes, Universidade Estadual do Ceará - UECE

Professora Adjunta do Curso de Letras e do Programa de Pós-Graduação em Linguística Aplicada da Universidade Estadual do Ceará (UECE). Possui Doutorado em Ciências da Linguagem, pela Universidade Grenoble III (2005), e Pós-Doutorado em Ciências da Educação, pela Universidade Aix-MArseille (2012).

Elisandra Maria Magalhães, Universidade Estadual do Ceará - UECE

Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Linguística Aplicada da Universidade Estadual do Ceará

Downloads

Publicado

2017-12-29

Como Citar

Moraes, R. M. A. de, & Magalhães, E. M. (2017). Abordagem clínica na análise da atividade docente: uma via unindo pesquisa, intervenção e formação. Horizontes, 35(3), 105–120. https://doi.org/10.24933/horizontes.v35i3.515