Abordagem clínica na análise da atividade docente: uma via unindo pesquisa, intervenção e formação

Rozania Maria Alves de Moraes, Elisandra Maria Magalhães

Resumo


A conjugação entre pesquisa e intervenção na Clínica da Atividade é um assunto que, aparentemente, ainda não se esgotou, suscitando importantes discussões entre especialistas da área. Este artigo tem como objetivo discutir experiências trazidas de duas pesquisas de caráter interventivo realizadas na formação inicial de professores de língua francesa, utilizando as abordagens clínica e ergonômica da atividade; além disso, busca também mostrar que, nas situações apresentadas, pesquisa e intervenção se mostram inseparáveis, e que, em ambas as pesquisas, é perceptível a ampliação do poder de agir dos sujeitos – objetivo da Clínica da Atividade. Esses resultados apontam para uma nova via que se abre para a formação inicial de professores de línguas.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.24933/horizontes.v35i3.515

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Horizontes

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Universidade São Francisco
CNSP-ASF | Casa de Nossa Senhora da Paz - Ação Social Franciscana

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia