Metodologias ativas no ensino em ciências da saúde na visão dos estudantes de graduação

Autores

  • Glebson Moura Silva Universidade Federal de Sergipe
  • Maria Inez Oliveira Araujo UFS
  • Shirley Verônica Melo Almeida Lima UFS
  • Renata Ramos Menezes UFS
  • Thais Santos de Matos UFS

DOI:

https://doi.org/10.24933/horizontes.v36i3.537

Resumo

O estudo investigou a visão dos estudantes de graduação em saúde sobre a aplicabilidade de metodologias ativas de ensino num Campus Universitário do Estado de Sergipe. No atual contexto, um dos importantes fatores revelados foi o déficit de conhecimento frente aos princípios da proposta pedagógica, uma vez que as metodologias ativas adotadas se apresentaram como facilitadoras do ensino e da aprendizagem através da participação dos sujeitos envolvidos, porém contraditoriamente houve barreiras que a limitaram, comprometendo encadeamentos importantes ao processo formativo. Espera-se que este saber aqui desvelado venha a contribuir com possíveis mudanças na formação do profissional de saúde.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Glebson Moura Silva, Universidade Federal de Sergipe

Departamento de Enfermagem

Maria Inez Oliveira Araujo, UFS

Departamento de Educação

Shirley Verônica Melo Almeida Lima, UFS

Departamento de Enfermagem

Renata Ramos Menezes, UFS

Departamento de Enfermagem

Thais Santos de Matos, UFS

Departamento de enfermagem

Downloads

Publicado

2018-12-07

Como Citar

Silva, G. M., Araujo, M. I. O., Lima, S. V. M. A., Menezes, R. R., & Matos, T. S. de. (2018). Metodologias ativas no ensino em ciências da saúde na visão dos estudantes de graduação. Horizontes, 36(3), 176–186. https://doi.org/10.24933/horizontes.v36i3.537