Educador e projeto pedagógico no território da crença

Márcio Donizetti Rocha

Resumo


Este trabalho é uma reflexão acerca das implicações observadas no processo de formação do educador em sua relação com o projeto pedagógico de uma rede de ensino confessional chamada Filhas de Jesus. Foram analisadas as tais implicações, em um movimento com assumido propósito de inovação curricular, que se consolida na dinâmica de poder, considerada como prática de colonização exercida sobre um território fundamental para a definição do horizonte de convívio humano atual. Para o desenvolvimento deste estudo, foi empreendida uma revisão dos documentos: Declaração Mundial sobre Educação para Todos: em Jomtien (1990), Nova Dellhi (1993), Dakar (2000) e o Nosso Modo Próprio de Educar, a partir do método cartográfico. Observou-se, assim, o quanto a escola e a educação se encontram sob a captura de uma lógica de colonização do território da crença, presente no modelo capitalista neoliberal.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.24933/horizontes.v37i0.634

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Horizontes

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Universidade São Francisco
CNSP-ASF | Casa de Nossa Senhora da Paz - Ação Social Franciscana

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia