Momento escola, momento ócio: as muitas faces do desenvolvimento humano

Mônica de Carvalho Magalhães Kassar

Resumo


Este artigo apresenta reflexões a respeito das possibilidades de desenvolvimento cultural de alunos com Transtorno do Espectro Autista, não claramente explícitas em ambiente escolar. Para isso, analisa ocorrências em situações diferentes de uma mesma criança com diagnóstico de TEA: na escola e em situação de ócio, sob a luz da perspectiva histórico-cultural. O material para análise foi fornecido pela família do aluno especificamente para este estudo. Conclui-se que a escola tem ignorado possibilidades de desenvolvimento dos alunos, já expressos em situações fora da instituição escolar, e a perspectiva utilitarista presente na organização atual das instituições escolares contribui para manutenção dessa situação.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.24933/horizontes.v36i3.712

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Horizontes

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Universidade São Francisco
CNSP-ASF | Casa de Nossa Senhora da Paz - Ação Social Franciscana

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia