Um olhar para os saberes docentes que estruturam a prática pedagógica do professor universitário

Mario José Knapik, Marilda Aparecida Behrens, Edna Liz Prigol

Resumo


Esta pesquisa de cunho qualitativo, do tipo estudo de caso, com procedimentos via netnografia, permitiu identificar as contribuições registradas por professores formadores da área de educação. Partimos do seguinte problema de pesquisa: quais os tipos de saberes docentes estruturam a prática pedagógica dos professores e como se caracterizam as bases ontológicas e epistemológicas que sustentam esses saberes? Objetivou-se identificar os tipos de saberes docentes implícitos nos depoimentos dos professores investigados, relacionados com as bases científicas e os construtos epistemológicos que fundamentam a sua docência. A pesquisa se desenvolveu em dois momentos, com 16 participações envolvendo mestrandos, doutorandos e pós-doutorandos do grupo de pesquisa. Primeiramente, realizou-se estudo dos saberes docentes propostos por Tardif (1991, 2002), Gauthier (1998) e Pimenta (1999), que geraram as sínteses que alicerçaram a elaboração do roteiro da entrevista e a definição das categorias. A segunda etapa consistiu na aplicação da entrevista semiestruturada, com 20 professores que atuam na docência da formação inicial e/ou continuada. Os resultados revelam a presença de conhecimentos pedagógicos, epistemológicos, ontológicos e filosóficos que fundamentam e dão sentido às atividades docentes.

 


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.24933/horizontes.v38i1.895

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Horizontes

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Universidade São Francisco
CNSP-ASF | Casa de Nossa Senhora da Paz - Ação Social Franciscana

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia